Por que um sistema de gestão de manutenção e ativos é tão importante para as empresas?

Por que um sistema de gestão de manutenção e ativos é tão importante para as empresas?

Quando falamos em gestão de ativos, estamos nos referindo a um conjunto de práticas adotadas pelas empresas a fim de gerenciar os bens que possui. Para garantir sua competitividade no mercado, é importante adotar uma tecnologia que possa facilitar todo esse controle. É aí que entra o sistema de gestão de manutenção e ativos. Sua empresa já conta com esse software?

Neste artigo, você vai entender melhor como funciona esse sistema e quais as vantagens práticas que é possível alcançar ao implementar essa tecnologia!

O que é um sistema de gestão de manutenção de ativos?

Um sistema de gestão de manutenção de ativos é um software que direciona, controla e coordena as atividades da gestão de ativos. Dessa forma, ele coleta e analisa os dados de todos os ativos da organização a fim de garantir maior confiabilidade nas tarefas de manutenção.

Assim, um sistema especialista em manutenção auxilia os gestores nas quatro principais etapas:

  • planejar as atividades de gestão de ativos, reunindo todos os dados necessários sobre a infraestrutura e os equipamentos;
  • sistematizar e automatizar diversas tarefas de manutenção, gerenciando as ordens de serviço de forma eficiente;
  • monitorar todas as atividades em tempo real, tendo uma visão mais clara do ciclo de vida de ferramentas, equipamentos e instalações;
  • aprimorar todas as atividades por detectar, investigar e eliminar falhas, implementando ações de melhorias para alcançar processos mais coesos, enxutos e eficientes.

Para fazer tudo isso, o sistema de gestão de manutenção e ativos conta com uma interface muito intuitiva, fácil de gerenciar. Aplicativos mobile também podem ser usados para facilitar o trabalho de mantenedores e gestores, tornando as informações acessíveis a toda equipe.

Qual a sua importância dentro da indústria?

Um sistema especialista para a gestão de manutenção e ativos pode garantir muitas vantagens para a empresa. O software pode otimizar bastante a rotina da equipe de manutenção, fornecendo maior produtividade.

Por exemplo, utilizar planilhas para organizar as informações pode ser pouco eficiente. Afinal, a tarefa manual pode ser bastante demorada, aumentando as chances de erros e ocupando o tempo da equipe no preenchimento de tabelas.

A inserção de informações por meio de um sistema dedicado é uma tarefa muito mais ágil e fácil. O próprio software já organiza os dados para uma avaliação posterior, além de reduzir erros humanos.

A automação de um sistema especialista também auxilia na tomada de decisões. O software emite relatórios automaticamente, levantando métricas importantes que informam a eficiência das operações. Fica fácil, por exemplo, determinar o MTBF e o MTTR dos equipamentos e enxergar mais claramente onde é preciso fazer ajustes para melhorar os resultados.

O sistema também emite alertas automatizados sobre o status das máquinas. Com a indústria 4.0 conectando todos os equipamentos a um sistema gerencial, fornecendo informações em tempo real, é possível coletar dados sobre temperatura, consumo energético, nível de falhas e produtividade.

Um sistema de gestão de manutenção e ativos garante muitas vantagens para a indústria. Com a crescente demanda do mercado e a maior exigência por qualidade e confiabilidade dos equipamentos, esse tipo de software se torna uma escolha inevitável para as organizações.

Quer saber mais sobre como esse sistema funciona na prática? Baixe uma demonstração gratuitamente e experimente!

 

pt_BRPortuguês do Brasil