gestão da manutenção

Conheça 7 benefícios da Gestão de Ativos para a sua empresa

Listamos 7 motivos para você adotar estratégias de Gestão de Ativos no seu negócio. Confira!

Ainda que muitas empresas tenham dúvidas quanto a viabilidade de implementação de um sistema de gestão de ativos, após a publicação da ISO 55000 em 2014, o mercado passou a compreender melhor os benefícios desta disciplina.

A Gestão de Manutenção e Ativos orienta as ações de controle de veículos, máquinas, equipamentos, entre outros, durante todo seu ciclo de vida.  Ela organiza os processos, procedimentos e atividades técnicas que envolvem os ativos, visando alcançar melhores resultados e a redução de custos.

Apesar das particularidades de cada empresa, alguns benefícios em comum podem ser alcançados através da Gestão de Ativos:

1 – Melhor desempenho financeiro
A Gestão de Ativos permite melhorar o retorno sobre os investimentos. Com isso reduz os diversos custos inerentes ao ativo e preserva seu valor.

2 – Decisões baseadas em evidências
Permite que a organização melhore a tomada de decisão. Evita erros, desvios e riscos para o negócio.

3 – Melhor gerenciamento dos riscos
Reduz perdas financeiras e melhora a saúde e a segurança dos colaboradores. Melhora a imagem da empresa perante o mercado, minimiza o impacto ambiental e social, evita multas e penalidades.

4 – Produtos e serviços de maior qualidade
Garante melhor desempenho dos ativos. Pode gerar produtos e serviços que atendam e até mesmo excedam as expectativas dos clientes.

5 – Maior conformidade
Garante a transparência em relação a requisitos legais e regulamentares. Também simplifica a adesão à padrões de gestão de ativos, políticas e processos.

6 – Eleva a sustentabilidade organizacional
Gerencia os efeitos de curto e longo prazo, gastos e desempenho, podendo melhorar a sustentabilidade das operações e da organização.

7 – Maior eficiência e eficácia operacional
A revisão e aperfeiçoamento de processos e procedimentos, eleva o desempenho dos ativos e pode melhorar a eficiência, eficácia e facilitar o atingimento das metas.
Em resumo, a Gestão de Ativos suporta a realização de valor, ao mesmo tempo em que equilibra os custos financeiros, ambientais e sociais, o risco, a qualidade de serviço e o desempenho relacionado com os ativos.

Como reduzir os custos com a Gestão de Manutenção?

Além de aumentar a margem de lucro, diminuir os gastos com a manutenção de ativos pode ajudar a melhorar a competitividade da sua empresa, oferecendo soluções e produtos de maior qualidade aos seus clientes.
Em qualquer plano de gestão corporativa, o planejamento do orçamento financeiro é um fator primordial, principalmente no setor de manutenção. Somente com base em informações e dados sólidos e em tempo real é que é possível tomar decisões estratégicas e seguras para obtenção de resultados positivos e desenvolvimento de uma organização.
Sendo assim, é preciso realizar uma análise de toda a rotina da equipe de manutenção para otimizar gastos e reduzir despesas.
Entre as soluções possíveis para um melhor controle do orçamento da Manutenção, talvez a mais importante delas sejam os softwares para a Gestão de Manutenção e Ativos, que asseguram a confiabilidade e disponibilidade de máquinas e equipamentos. Além disso, garantem uma maior qualidade na entrega de produtos e serviços.
Útil para o planejamento, implementação de planos de manutenção, padronização de processos e controle de resultados, a Gestão de Ativos realizada por meio de softwares oferece a redução de falhas, custos e desperdícios para o aumento da lucratividade.
E também possibilita:

  • A elaboração de procedimentos de acordo com a prioridade dos processos e criticidade dos equipamentos;
  • A proposição de melhorias baseadas em investigações de causas de quebras e paradas dos processos produtivos;
  • A normatização de procedimentos, treinamentos, componentes e sobressalentes;
  • A elaboração de políticas de manutenção preditivas e o gerenciamento de custos;
  • Maior agilidade e flexibilidade na obtenção de informações gerenciais da manutenção por meio da criação de um banco de dados com históricos das ações da manutenção nos ativos de processo;
  • E muito mais!

Com o MANUSIS 4.0, sistema especialista em Gestão de Manutenção e Ativos desenvolvido pela WERT Solutions, sua empresa tem o total controle do orçamento da manutenção e de projetos de ativos de modo dinâmico, comparando suas previsões e o que está sendo efetivamente gasto. CLIQUE AQUI e conheça!

As vantagens da mobilidade para a Manutenção de Ativos

Entenda como a mobilidade pode oferecer agilidade e assertividade à sua equipe de manutenção
Segundo pesquisa da Qualcomm, em 2019 o número de pessoas usando smartphones chegará a metade da população global (51,2%). Sendo assim, é fácil compreender porque hoje são os dispositivos móveis que ditam as tendências tecnológicas que se estenderão à Gestão e Manutenção de Ativos.
Com o avanço da mobilidade, que possibilita o acesso a dados e sistemas por meio destes dispositivos, tarefas como consultar e reportar ordens de serviço agora podem ser realizadas apenas com alguns cliques. Isso é possível por meio de softwares de manutenção de ativos, como o MANUSIS 4.0, que possuem aplicativo mobile.
O app permite ao técnico ou engenheiro facilmente obter informações sobre a história de cada ativo, partes e registros que foram utilizadas ou identificar as peças necessárias para o reparo, registro de controle de horas de trabalho e despesas à medida que ocorrem, e ter todas as notas de reparações realizadas.
Além disso, oferece:
VELOCIDADE E ASSERTIVIDADE – As solicitações podem ser acessadas de qualquer lugar a qualquer hora. Assim, além de não precisar se deslocar, o profissional consegue emitir a ordem de serviço com total precisão e todas as informações necessárias.
PRODUTIVIDADE – Além de total controle dos processos, é possível disponibilizar as informações da OS para toda a equipe de manutenção assim que o documento é emitido, o que gera maior agilidade e precisão nas tarefas.
CREDIBILIDADE – Com mais assertividade na realização de tarefas, os erros e falhas diminuem e o nível de serviço aumenta. Assim, a equipe de manutenção ganha mais credibilidade dentro da organização.
SUSTENTABILIDADE – Papel nunca mais. Com uma solução digital, a necessidade de utilização de materiais impressos diminui significativamente, o que gera economia e sustentabilidade no ambiente empresarial.
Saiba mais vantagens sobre a manutenção e gestão de ativos com mobilidade. Baixe aqui gratuitamente um artigo que preparamos sobre o tema.

Quais são os itens que compõem o orçamento da Manutenção?

Qualquer setor de uma empresa ou indústria tem como objetivo o cumprimento de metas. Por meio delas, é possível dimensionar a contribuição de cada equipe de trabalho para o desenvolvimento da organização. Na Gestão de Manutenção não é diferente. Afinal, é por meio dela que a eficiência produtiva e a qualidade dos serviços são mantidas, dando suporte, conserto e disponibilidade às máquinas.
Entre os principais objetivos dessa área, está a identificação dos principais elementos de custos envolvidos no processo para a economia e adoção de estratégias que aumentem a produtividade e reduzam os gastos.
Conheça a seguir os itens essenciais que compõem o orçamento do setor de Gestão de Manutenção e Ativos:

  • Custo de Materiais: são os custos necessários para manter máquinas e equipamentos que fazem parte das linhas de produção, incluindo manutenção preventiva, lubrificação e inspeções. Ex.: despesas com rolamentos, parafusos, correntes, etc.
  • Custos de Mão-de-Obra: previsão de despesas com salários, férias, décimo terceiro salário e demais encargos sociais e previsão de possíveis políticas de reajustes ou aumento de quadro funcional.
  • Custos de Energia Elétrica: normalmente a área de Manutenção é quem faz a previsão de consumo de energia elétrica da empresa como um todo. Independente de como a empresa trata esse custo na composição final dos seus produtos, é importante não esquecer de prever os reajustes por conta das concessionárias.
  • Custos de Serviços Terceirizados: nesse item estão previstas as despesas com serviços de empresas terceirizadas. Podemos citar como exemplo os serviços feitos por contratos já estabelecidos como manutenção predial, serviços de termografia e serviços planejados ou programados durante o ano com assistência técnica, entre outros.

Com o MANUSIS 4.0 sua empresa tem o total controle do orçamento da manutenção e de projetos de ativos de modo dinâmico, comparando suas previsões e o que está sendo efetivamente gasto. CLIQUE AQUI e conheça outras funcionalidades do software.

A importância da Gestão de Manutenção e Ativos para a agroindústria

O uso da tecnologia no agronegócio já é uma realidade. De acordo com levantamento recente da Comissão Brasileira de Agricultura de Precisão (CBAP), 67% das propriedades agrícolas no país já adotaram algum tipo de inovação tecnológica, dentro ou fora do campo.
Responsável por 23% do PIB brasileiro, o agronegócio tem impulsionado a economia e, por isso, é muito importante que as empresas do setor se especializem e conheçam as novas demandas tecnológicas para saírem à frente nesse mercado tão competitivo.
Entre as soluções possíveis para essa evolução, talvez a mais importante delas sejam os softwares para a Gestão de Manutenção e Ativos, que asseguram a confiabilidade e disponibilidade de máquinas e equipamentos. Além disso, garantem uma maior qualidade na entrega de produtos e serviços.
Útil para o planejamento, implementação de planos de manutenção, padronização de processos e controle de resultados, a Gestão de Ativos realizada por meio de softwares oferece a redução de falhas, custos e desperdícios para o aumento da lucratividade. Além disso, possibilita:

  • A elaboração de procedimentos de acordo com a prioridade dos processos e criticidade dos equipamentos;
  • A proposição de melhorias baseadas em investigações de causas de quebras e paradas dos processos produtivos;
  • A normatização de procedimentos, treinamentos, componentes e sobressalentes;
  • A elaboração de políticas de manutenção preditivas e o gerenciamento de custos;
  • Maior agilidade e flexibilidade na obtenção de informações gerenciais da manutenção por meio da criação de um banco de dados com históricos das ações da manutenção nos ativos de processo;
  • E muito mais!

CLIQUE AQUI e conheça o MANUSIS 4.0, um software especialista da WERT SOLUTIONS com aplicativo mobile que permite a gestão integrada de um conjunto de serviços em uma única plataforma, além do controle de todos os processos envolvidos.

Os 5 princípios da Indústria 4.0

Os cinco princípios pensados para o desenvolvimento e a implantação da Indústria 4.0  definem os sistemas de produção inteligentes que deverão surgir nos próximos anos. Confira cada um deles:
1 – Capacidade de operação em tempo real: aquisição e tratamento de dados instantaneamente. Responsável por permitir a tomada de decisões em tempo real.

  1. Virtualização: é a continuidade e evolução das simulações já existentes. A proposta aqui é a produção de cópias virtuais das fábricas inteligentes, que irão permitir a rastreabilidade e monitoramento remoto de todos os processos através de sensores espalhados ao longo da planta.
  2. Descentralização: a tomada de decisões será feita pelo sistema cyber-físico de acordo com as necessidades da produção em tempo real; as máquinas receberão comandos e fornecerão informações sobre seu ciclo de trabalho. Assim será possível que os módulos da fábrica inteligente trabalhem de forma descentralizada e tenham a oportunidade de aprimorar os processos de produção.
  3. Orientação a serviços: utilização de arquiteturas de software orientadas a serviços aliado ao conceito de Internet of Services.
  4. Modularidade: produção de acordo com a demanda, acoplamento e desacoplamento de módulos na produção. Resultado de maior flexibilidade para alterar as tarefas das máquinas facilmente.

Leia também no blog da WERT Solutions: como a Indústria 4.0 impacta o futuro da Manutenção e Gestão de Ativos?

Escalabilidade: o que é e quais suas vantagens?

Você sabe o que é escalabilidade de software? O conceito se aplica a sistemas flexíveis, capazes de se adaptar às necessidades do seu negócio. Entenda!
Escalabilidade é a capacidade de aumentar a capacidade de um software ou do seu uso sem, no entanto, ter que pagar mais por isso. Quando falamos da escalabilidade de um software, estamos falando sobre ter um código e uma arquitetura que é de fácil manutenção, de aumentar suas funcionalidades, de várias pessoas poderem trabalhar nele.
Podemos, ainda, usar o termo para indicar que o software pode ser usado por uma grande quantidade de usuários (clientes). Serviços em nuvem inovadores, como o MANUSIS 4.0 e o MANUSIS FACILITIES, são escaláveis, ou seja,  permitem que vários usuários prestem atendimento a vários clientes em uma mesma plataforma.
As soluções ficam armazenadas em data centers extremamente seguros (Amazon Web Services) e podem ser acessadas de qualquer lugar com acesso à internet, além de a implementação ser muito rápida e permitir aumentar e diminuir o número de pontos de atendimento de acordo com a demanda da sua empresa.
Vale lembrar ainda que, como hoje muitas empresas têm presença global, soluções em nuvem armazenam dados sobre todos os funcionários e informações, não importa onde estejam, permitindo a comunicação em tempo real e sem custos extras.
Outra vantagem é que não há nada que o usuário precise comprar separadamente quando contrata um sistema em nuvem. As atualizações são feitas periodicamente e o serviço não precisa ser interrompido para que isso aconteça.
Em um mercado como os de Gestão de Manutenção ou Gestão de Facilities, que exigem a resolução de questões com agilidade e precisão, é imprescindível que as empresas invistam em inovação.
A evolução tecnológica é constante e traz novas opções para facilitar a vida das empresas. Para se manter competitivo e conquistar melhores resultados, é preciso olhar ao redor e apostar em inovação.
Leia também no blog da WERT SOLUTIONS: as vantagens da Internet das Coisas para os processos de Gestão da Manutenção.

Vantagens da Internet das Coisas para os processos de Gestão da Manutenção

O termo Internet das Coisas ou Internet of Things (IoT) diz respeito a objetos exclusivamente identificáveis (coisas) e suas representações virtuais em uma estrutura de internet.
No contexto industrial, o conceito está relacionado à capacidade de utilizar a rede de internet atual para conectar equipamentos e pessoas, promovendo uma eficaz troca de informações, automatização de ações e análise de dados.
No contexto da manutenção de ativos, o conceito da Internet das Coisas vem sendo cada vez mais difundido e aplicado, pois permite grande controle das ações de manutenção preditiva e corretiva, diminuindo os espaços de tempo entre manutenções e evitando paradas inesperadas.
Mais que isso, possibilita que os gestores consigam antecipar com rapidez e efetividade fatores como desgaste de componentes, eventos, coleta de horas trabalhadas, itens produzidos, movimentação de itens, entre outras diversas informações úteis na estratégia.
A crise econômica brasileira tem levado muitas empresas a reduzir seus investimentos em maquinários. Nesse contexto, a gestão da manutenção associada às tecnologias oferecidas pela Internet das Coisas se torna uma ferramenta imprescindível para garantir o bom funcionamento dos equipamentos e estruturas até que haja um reaquecimento da economia.
Além disso, torna-se um fator de competitividade, uma vez que, em um mercado cada vez mais disputado, diferenciam-se as empresas que investem em otimização dos processos e soluções inovadoras para reduzir custos, aumentar a produtividade e o tempo de vida útil de seus equipamentos.
O conceito da Internet das Coisas é amplo e pode ser aplicado em inúmeros segmentos como segurança, agricultura, varejo, automobilístico, entre outros. No setor da infraestrutura urbana, por exemplo, pode-se controlar redes de energia elétrica, água e saneamento com a captura de informações e avaliações sobre o desemprenho de cada ponto em tempo real, obtendo indicações de manutenção preventiva em focos de prováveis problemas.
Inúmeras são as possibilidades, porém, para explorá-las ao máximo, é preciso ter em mente que as máquinas por si só não fazem nada: todo o trabalho só é possível por meio da análise de dados.
Invista em tecnologia e garanta retorno: conheça o MANUSIS 4.0, software especialista de Gestão e Manutenção de Ativos com aplicativo mobile e 100% online, ou seja, operado totalmente pela internet. Clique aqui.

Como integrar sistemas de gestão de manutenção a módulos de ERPs

ERPs (Enterprise Resource Planning) são sistemas de informação que integram todos os dados e processos de uma organização em um único sistema (financeiro, compras, estoque, produção, marketing, vendas etc.), possibilitando a automação e armazenamento de todas as informações do negócio.
Por concentrarem todos os ativos de uma empresa em uma única fonte, proporcionam a gestores a tomada de decisões estratégicas muito mais ágeis em suas organizações. Otimizam também processos de toda a equipe e garantem a confiabilidade, uma vez que todos têm acesso às mesmas informações. Além disso, permitem um maior controle das solicitações de Ordens de Manutenção e dos custos dos serviços.
O Manusis 4.0 é um sistema de Gestão e Manutenção de Ativos especialista que pode ser integrado a qualquer ERP ou CMMS através de diferentes protocolos de comunicação. Com uma plataforma modular, permite que módulos específicos sejam utilizados de acordo com a necessidade de cada empresa, facilitando o dia-a-dia da manutenção sem a necessidade de substituir completamente o software de gestão de manutenção já implementado na sua empresa.
Além disso, o MANUSIS permite um fluxo de dados de modo mais simples e ágil, e outras vantagens como:
– Avaliação abrangente da condição operacional;
– Acompanhamento integrado de diversas técnicas preditivas;
– Medição e ajuste dos parâmetros dos ativos monitorados;
– Análise mais precisa de dados, agilizando a tomada de decisões;
– Relatórios periódicos que permitem a medição do desempenho e a elaboração de planejamentos a longo prazo;
– Economia de recursos e aumento da excelência em serviços;
– Otimização de processos e redução de custos;
– Soluções adaptáveis às estratégias de manutenção de cada empresa.
Clique aqui e assista ao vídeo sobre todos os atributos e vantagens que o Manusis 4.0 oferece à sua empresa.

pt_PTPortuguês
pt_BRPortuguês do Brasil pt_PTPortuguês